sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

Portas de Sacada e Janelas Montadas e Pladures Concluídos

 
  
  
  
 
  
12/02/2010 - Montagem das portas de sacada e janelas. Conclusão dos  trabalhos com os pladures.

13 comentários:

  1. Olá a todos,

    Hoje ficaram montadas todas as portas de sacada e as janelas da casa. Terminaram também os trabalhos com os pladures para posterior aplicação dos azulejos nas casas de banho e cozinha.
    Agora já se nota bem a diferença dentro de casa (ainda por cima com o frio que esteve hoje em Santarém com a Temp. Máx de 7ºC). Já não há correntes de ar e começa-se a estar muito bem lá dentro. Os próximos trabalhadores é que vão agradecer esta melhoria muito significativa das condições de trabalho, pelo menos nas tarefas que forem dentro de casa!

    Amanhã vou tentar tirar mais umas fotos dos pladures com mais luz.

    Espero que tenham todos um óptimo Carnaval 2010, com muita alegria e diversão!

    Cumprimentos,

    João Filipe Pinheiro

    ResponderEliminar
  2. Muito bem.. esta a andar a olhos vistos..
    gosto dessas grandes portas de sacada..
    Um abraço e bom carnaval

    ResponderEliminar
  3. OLá Mário,

    Estas 3 portas de sacada na sala de estar/jantar foram alteradas para 2x2m para podermos ter muita luz natural e ao mesmo tempo disfrutar da envolvente da casa (leia-se a vista, as azinheiras e todo o restante "verde") mesmo estando no interior. Deixámos já os cabos passados para podermos iluminar as azinheiras à noite. Dá um efeito fantástico! Os biólogos podem ficar descansados que não será todos os dias, só de vez em quando, para os animais também poderem descançar/caçar tranquilamente. Afinal não quero afugentar os mochos e as corujas que vivem no nosso terreno!
    Já estou a imaginar-nos no quentinho, com a lareira acesa, sentadinhos no sofá ou à mesa a olhar lá para fora... :-)

    Cumprimentos a todos,

    João Filipe Pinheiro

    ResponderEliminar
  4. Olá a todos,
    Ontem, pela primeira vez, consegui ver a minha casa e não uma obra. As janelas dão um aspecto de obra quase terminada, tornando o espaço acolhedor e apetecível a tardes descontraídas na sala. Fiquei muito feliz com o que vi e decidi deixar o meu cunho pessoal no blog.
    Bom Carnaval para todos.

    Cumprimentos,

    Sónia Alegria

    ResponderEliminar
  5. Olá João e Sónia.
    Quem construiu a vossa casa? Pretendemos construir uma de madeira e contactámos uma série de empresas: Rusticasa, Laponia House, Empatias, Imowood, Casema e Monjolo. A Rusticasa foi a única que não respondeu. Pretendemos construir algo por volta dos 200m2 e não sabemos quanto poderá custar (Chave na mão). A questão do projecto para entrar na CÂmara Municipal é igual ao de um processo de uma casa de alvenaria? Quem o fez /faz? A própria empresa? Agradeço a resposta e bom usufruto da vossa casa.
    Augusto S.

    ResponderEliminar
  6. Olá Augusto, seja bem-vindo ao nosso blog e obrigado pelo seu comentário.

    A nossa casa está a ser construída pela Imowood. Desde que a casa não seja considerada amovível (tenha uma base de betão e/ou algumas paredes de alvenaria), o processo com o projecto na Câmara Municipal é exactamente o mesmo que uma casa de alvenaria. Na grande maioria dos casos as empresas construtoras tratam do projecto e acompanham o processo junto da Câmara Municipal. Quanto aos preços, o melhor é consultar as empresas directamente, ver alguns dos projectos já definidos (ou apresentar uma planta desenhada por vós) e pedir orçamentos. Há muitas variações como o tipo de madeira, espessura da mesma, processo construtivo, configuração da casa, tipo de acabamentos, etc que fazem variar os preços. Só pedindo os orçamentos, analisá-los bem, comparar (o que for comparável) é que poderá ter uma ideia de quanto poderá custar a casa que pretendem.
    Cumprimentos e boa sorte,

    João Filipe Pinheiro

    ResponderEliminar
  7. pareceu-me ver ali uma cabecita de termita a espreitar...

    ResponderEliminar
  8. A casa sem duvida apresenta qualidade, tenho analizado varias empresas de construção de casas de madeira pois pretendo igualmente construir uma. Mas tenho estado a " pender" mais para a CASEMA. Chegaram a ver esta empresa antes de se decidirem pela imowood?
    Boa continuaçao! =)
    IS

    ResponderEliminar
  9. Olá IS, seja bem-vindo ao nosso blog e obrigado pelo seu comentário

    Durante a nossa pesquisa sobre as várias empresas visitámos também a Casema, até porque na altura viviamos em Porto de Mós, a 3 km da sede da Casema. Chegámos inclusivamente a pedir-lhes um orçamento para o nosso projecto inicial e visitámos várias casas construídas pela empresa. Excluímos a Casema das nossas escolhas pois não gostámos das sucessivas tentativas de se tentarem descartar da modalidade chave-na-mão, insistindo muito para que fossemos nós a contratar o electricista, canalizador, construtor da base,etc encarregando-se eles só da montagem do kit de madeira (para além de este ser substancialmente mais caro que as restantes empresas para kits semelhantes!). Disseram sempre que ficaria muito mais caro se fossem eles a encarregar-se desses serviços.
    Desse modo nunca poderíamos saber à partida quanto nos iria custar a casa no final, uma vez que o orçamento da Casema veio só com a parte do kit montado (espero que entretanto tenham melhorado esta política!!)

    Cumprimentos,

    João Filipe Pinheiro

    ResponderEliminar
  10. Ola novamente,
    Obrigado por partilhares a tua experiencia com a Casema.
    A mim deram um orçamento de chave na mao. Que demonstrou ficar bem mais caro do que sendo uma casa de alvenaria (supreendendo-me visto que todos falam que o preço é equivalente em madeira ou alvenaria!!!).
    Quanto ao preço do Kit, pelo que tenho visto na Monjolo ( e noutros sites de empresas como a Rusticasa) o preço base do Kit em questão é sempre idêntico. poderá entao o orçamento variar na parte dos serviços complementares da obra...
    O que me agradou na Casema é a qualidade da madeira que nao apresenta aqueles "nós" tipicos da madeira. Que sao bem visiveis em obras da monjolo e rusticasa... A madeira utilizada pela Imowood é identica à da casema?

    IS

    ResponderEliminar
  11. Olá IS,

    Como te disse, não estou muito por dentro dos preços actuais das várias empresas e apenas contei o que aconteceu connosco, numa primeira abordagem que fizemos, mas já foi há bastante tempo atrás.

    Quanto às madeiras, tanto quanto sei, até há pouco tempo atrás, a Monjolo, Casema e Imowood trabalhavam todas com madeiras tropicais que, ao contrário dos pinhos nórdicos não apresentam os tais "nós", aliás, essa foi a principal razão porque a nossa primeira decisão foi fazer uma casa em madeira tropical. Actualmente não sei bem com que tipo de madeiras trabalham as várias empresas. A minha está a ser feita pela Imowood em Tatajuba que é uma madeira tropical que também era usada pela Casema (visitei várias casas da Casema construídas em Tatajuba e inclusivamente vêm fotos de várias casas da Casema em Tatajuba nas revistas das "Casas de Madeira"). Quanto à Monjolo, dantes também usava madeiras tropicais (penso que outras espécies de árvores) mas creio que também não têm os "nós" visíveis (nas fotos do site deles e das casas do Aleixo e do Paulo Martins não se vêem "nós" nas pranchas).
    Penso que o tipo de madeira pode ser acordado com a empresa (não tenho a certeza, terá de perguntar directamente).

    A visita de várias casas feitas pelas várias empresas para ver as madeiras (e principalmente os acabamentos) foi determinante na nossa escolha pois nada melhor que ver ao vivo o trabalho das empresas. Não me compete (nem pretendo) vir aqui divulgar as opiniões que recolhi e as conclusões que retirei dessa nossa pesquisa (cada um deverá fazer essa recolha pessoalmente junto dos proprietários e tirar as suas próprias conclusões). O mais que posso fazer é disponibilizar-me, tal como outros fizeram connosco, para o(a) receber caso queira ver ao vivo a nossa nossa casa e o tipo de madeira utilizada pela Imowood. É só uma questão de mandar-me um mail e combinarmos.

    Claro está que este convite não é exclusivo e fica aberto a quem pretender ver a nossa casa e falar connosco sobre este mundo das casas de madeira.
    Cumprimentos,

    João Filipe Pinheiro

    ResponderEliminar
  12. Arrependimentos?
    Expectativas correspondidas ou ultrapassadas?

    Cumprimentos,
    Filipe

    ResponderEliminar